Samba Rasgado

Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado
Samba Rasgado

Que o samba é um patrimônio cultural brasileiro não é segredo para ninguém.

 

Nasceu na Bahia, no século XIX, mas foi no Rio de Janeiro na década de 20 que se consolidou e depois se espalhou para outros estados como Minas, São Paulo e Rio Grande do Sul, tendo maior destaque no inicio dos anos 40, durante o governo de Getúlio Vargas.

 

Neste ritmo brasileiro de tradição, a harmonia é feita pelo violão, cavaquinho ou outro instrumento de corda e a marcação pelo surdo e pandeiro.

 

Com o passar dos anos outros instrumentos como a flauta, a cuíca e até a bateria foram sendo incorporados dando origem a outras vertentes do samba como o samba canção, partido alto e a gafieira.

SOBRE O GRUPO SAMBA RASGADO

Sob a influência dos grandes intérpretes e compositores do samba, no ano de 2014 alguns amigos, com vontade de fazer algo diferenciado no cenário musical sorocabano, se juntaram e ao som de Cartola, Noel Rosa, Ary Barroso, Ataulfo Alves, Martinho da Vila, entre outros, nasceu o Samba Rasgado.

“SAMBA RASGADO DE NORTE A SUL”

É um show onde o grupo faz um passeio por sambistas de diversos estados deste o amazonense Paulo Onça, passando pelo mineiro Ataulfo Alves, pelos paulistas Adoniran Barbosa, Geraldo Filme, os medalhões cariocas Cartola e Noel até o gaúcho Lupicínio Rodrigues, além da viagem por diversos tipos de samba: o samba canção das serestas, o samba de breque, samba maxixe, samba corrido e o samba enredo.

 

 

 

A maranhense Alcione pede há mais de 40 anos para que o samba não morra.

 

Com ela, fazem coro quem não é ruim da cabeça nem doente do pé.